Um anime de esportes em que o protagonista tenta ser o melhor apesar de ter uma desvantagem clara em relação aos outros personagens? Que original! Bem, apesar do conceito simples, Hinomaru Sumo é muito divertido de assistir, além de ser um dos únicos animes de sumô presentes no mercado.

Conheça a história de Hinomaru, um garoto que quer ser Yokozuna (nível mais alto de lutadores de sumô) mas não tem o tamanho considerado Ideal para ser um lutador profissional de sumô. Porém ele não desiste, e treina o máximo para poder ficar forte o suficiente e, junto dos amigos que faz em sua nova escola, se tornar um Yokozuna.

Esse arquétipo de história funciona muito bem para animes de esporte, e consequentemente acaba sendo usado até demais. É bem comum ver um anime de esportes em que o protagonista tem uma desvantagem incorrigível em relação aos outros personagens, cabe então a série em relação ao desenvolvimento da narrativa e em  outros pontos do anime para que isso não seja só mais uma em meio a várias outras.

Nada em Hinomaru Sumo é imediatamente impressionante, mas o anime é consistente e se mantém interessante até o final. Os personagens secundários são carismáticos e contam histórias próprias que conquistam o espectador, deixando de lado os adversários e rivais de Hinomaru, que são rasos e não chamam atenção – apesar de terem designs chamativos.

A trilha musical é boa e nos coloca na ponta da cadeira, as músicas são composições de James Shimoji, responsável também pela trilha do filme Redline, lançado pela Madhouse em 2009. A trilha sonora e o design de som são ainda melhores, os sons que os personagens fazem lutando são crus e brutos, acompanhados de uma dublagem que não impressiona, mas transmite as emoções dos personagens.

O ponto que mais chama a atenção são as cenas de ação que são bem pensadas e colocam o espectador dentro da batalha; prendemos a respiração, arregalamos os olhos, e até pensamos em estratégias junto com os personagens. Tudo isso faz com que as lutas sejam divertidas de assistir, o que é muito importante em um anime de sumô.

Durante essas cenas de luta, a animação cumpre perfeitamente seu papel, exagerando os traços e utilizando as cores para representar diferentes personagens. Já durante o resto do anime, é simples e não impressiona, mas não tem quedas na qualidade e não incomoda em momento algum.

Hinomaru Sumo foi lançado pelo estúdio Gonzo na temporada de outono de 2018, terminando na temporada de inverno de 2019. É um anime simples e consistente sem temas muito sérios ou conflitos muito complexos, por outro lado, é extremamente divertido de assistir e consegue fazer o espectador vibrar na cadeira.

6.0
Nota final

Prós

  • Ótimas cenas de ação
  • Trilha sonora empolgante

Contras

  • Animação Simples
  • Conceito Genérico
Animação
6
Roteiro
6
Trilha Sonora
7
Personagens
7

Veredito final:

Hinomaru Sumo não impressiona em nenhum aspecto, mas vale a pena assistir. É um anime consistente que mantém a boa qualidade durante toda a obra, sem mudanças repentinas ou situações complexas.